Dormir na medida certa pode afastar problemas como cansaço, falta de concentração, depressão e ansiedade

Uma série de 320 pesquisas realizadas sobre o sono foi revisada recentemente pela Fundação Nacional do Sono, nos Estados Unidos e baseada nestes estudos, a entidade apontou um novo padrão na recomendação do sono por faixas etárias.

Dormir na medida certa afasta alguns problemas de saúde como o cansaço, depressão, ansiedade, falta de concentração, entre outros males da modernidade. Essas novas recomendações altera principalmente as orientações em relação ao sono dos bebês.

Os recém-nascidos precisam dormir em média de 14 a 17 horas diárias. Bebês de quatro a onze meses, a recomendação passou a ser de 12 a 15 horas de sono todos os dias. Conforme a idade aumenta, a necessidade diminui.

A nova orientação também mudou o padrão de sono de crianças de 6 a 9 anos, que precisam , que precisam dormir entre 10 e 14 horas para não sofrer com problemas de saúde futuros. Os adolescentes tem a necessidade de 9 a 11 horas para não ter consequências e manter a saúde em dia.

Para a fase adulta a orientação não foi alterada, segundo a publicação do periódico Sleep Health: Journal of the National Sleep Foundation. Essa recomendação é de um sono reparador com duração que dura entre 7 e 8 horas.

Banner Ortomax site